SERVIDOR DE DOWNLOADS PARA TÉCNICOS!

É técnico? Então você precisa estar atualizado com um serviço de downloads exclusivo e profissional. O Clan SOFT é essencial para técnicos que não tem tempo para ficar procurando firmwares, softwares e procedimentos pela internet, como você.

www.clansoft.net/dl/

Entre para seguir isso  
Seguidores 0
Josenilton Lisboa

Telefonia móvel cresce nas regiões mais pobres

1 post neste tópico

Actualmente, dois terços das subscrições de telefonia móvel em todo o mundo provêm de países subdesenvolvidos e a taxa de crescimento mais alta situa-se em África, onde um quarto da população possui telemóvel, diz a Please login or register to see this link. (UIT), organismo da ONU.

O drástico crescimento da telefonia móvel nos países mais pobres, entre eles o Paquistão, Arábia Saudita, China e Vietnam ajudou a impulsionar as economias emergentes desde 2002, salienta a UTI.

As conclusões resultam do estudo "Medição da Sociedade de Informação", através do qual se apurou que o mundo tem três vezes mais subscrições de telefonia móvel do que de linhas fixas, existindo até quem possuam mais de um contrato, principalmente nas regiões da Europa e Ásia.

O relatório aponta ainda que no que se refere à Internet, os dados são menos positivos, não pela falta de subscrições mas pelas fracas condições de acessibilidade nas zonas mais pobres do mundo, como África, onde apenas cinco por cento da população usa Internet. Em causa está a limitação física das redes, assim como os preços cobrados pelos operadores: demasiado altos para a qualidade do serviço e do poder de compra dos africanos.

E UIT explica ainda que apenas 23 por cento das pessoas no mundo utilizam internet, embora os níveis de utilização possam variar entre o muito alto nos países mais ricos e o extremamente baixo nas regiões pobres. Segundo o organismo, o chamado fosso digital continua bastante claro nos números recolhidos. Isto porque, se a fatia de utilizadores de Internet na Europa e América varia entre os 43 e os 44 por cento da população, na Ásia a quota é de 15 por cento e em África de menos de 5 por cento.

É com base em dados como estes que a UIT elaborou um índice de desenvolvimento no âmbito das TIC, onde são comparadas as informações de 154 países referentes ao período compreendido entre 2002 e 2007. Neste recurso, são combinados indicadores como o número de lares que contam com computador pessoal, utilizadores de Internet, entre outros.

Nessa lista, todos os países com melhores performances estão situados no norte da Europa, à excepção da Coreia do Sul, o único país que não europeu a constar no top do índice, mais concretamente na segunda posição.

A Suécia lidera a lista que mede o acesso dos países aos telefones, computadores e redes de telecomunicações, enquanto que a Dinamarca se situa no terceiro lugar. A estes países seguem-se a Holanda, Islândia, Noruega, Luxemburgo, Suíça, Finlândia e Reino Unido.

FONTE: tek.sapo.pt

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!


Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.


Entrar Agora
Entre para seguir isso  
Seguidores 0