SERVIDOR DE DOWNLOADS PARA TÉCNICOS!

É técnico? Então você precisa estar atualizado com um serviço de downloads exclusivo e profissional. O Clan SOFT é essencial para técnicos que não tem tempo para ficar procurando firmwares, softwares e procedimentos pela internet, como você.

www.clansoft.net/dl/

Entre para seguir isso  
Seguidores 0
Julio Tinelli

Corinthians Campeão Brasileiro 2011

8 posts neste tópico

É nóis campeão brasileiro um grande abraço para todos corinthianos e amigos aki da casa

Salve o Corinthians,

O campeão dos campeões,

Eternamente

Dentro dos nossos corações.Salve o Corinthians

De tradição e glórias mil;

Tu és orgulho

Dos esportistas do Brasil.Teu passado é uma bandeira,

Teu presente, uma lição

Figuras entre os primeiros

Do nosso esporte bretão.Corinthians grande,

Sempre Altaneiro

És do Brasil

O clube mais brasileiro.

Please login or register to see this image.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Please login or register to see this image.

PENTA CAMPEÃO..rsrs

Foram 38 jogos de muita luta, dificuldades e superação para, no final, receber a consagração. Após empatar em 0 a 0, na noite deste domingo (04), no Pacaembu, o Corinthians sagrou-se pentacampeão brasileiro. O título veio exatamente no dia em que o clube perdeu um dos principais ídolos da história: Doutor Sócrates. O Vasco acabou sendo o vice-campeão.

Comentem...

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Parabéns ao Corinthians pelo Penta e também parabéns ao Vasco que fez uma ótima campanha esse ano.

Ontem foi um dia de alegria e tristeza ao mesmo tempo, pois morre um ídolo da nação corinthiana

Please login or register to see this image.

Adeus Doutor

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Apesar de ser Palmeirense, preferi mil vezes ver o Corinthians campeão a ver o Vasco levantando a taça e consequentemente ter o desprazer de toda vez que ligar a televisão ver e ouvir toda a imprensa carioca durante um mês inteiro dando ênfase em demasia a conquista de um time carioca. Particularmente gosto do time do Vasco da gama e de toda sua história de glórias, mas o que não dá pra engolir é aquela "Rádio Globo da vida" com toda a sua parcialidade como de costume. Parabéns ao Corinthians!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Vibra, Fiel! Aqui é Corinthians!!! Pentacampeão brasileiro!!!!!

Corinthians empata com Palmeiras no Pacaembu e é pentacampeão brasileiro

É PENTA! 1990, 1998, 1999, 2005 e 2011. O dia 04 de dezembro de 2011 ficará para sempre marcado na memória dos 30 milhões de bando de loucos espalhados pelo mundo. O Corinthians empatou em 0 a 0 com seu maior rival na tarde deste domingo em pleno Pacaembu e se sagrou pentacampeão brasileiro. Em um jogo tenso e com quatro expulsões, os guerreiros do Parque São Jorge jogaram com muita raça e vontade, virtudes marcantes do elenco alvinegro durante todas as partidas do campeonato. Confira agora todos os detalhes do jogo emocionante que deu ao Corinthians o título de melhor time do Brasil.

Antes do início da partida, os jogadores do Timão e a torcida presente no Pacaembu fizeram uma bela homenagem ao ídolo Doutor Sócrates, que faleu na manhã deste domingo. Os corinthianos - atletas e torcedores - respeitaram o minuto de silêncio com o braço estendido para o alto, em referência ao gesto do Doutor, que virou sua marca registrada nas comemorações de gols.

Quando a bola rolou, o jogo começou bastante tenso. As equipes cometiam muitas faltas e, durante os minutos iniciais, não houve chances gol para nenhum lado.

Um pouco melhor em campo, o Palmeiras deu os dois primeiros arremates do clássico, com Patrik, mas não levaram perigo para Júlio César. O Corinthians cometia muitos erros de passe e não conseguia manter a posse de bola. Alex recebeu cartão amarelo aos 26min após falta no campo de defesa. Quatro minutos depois, o Vasco abriu o placar no Rio de Janeiro contra o Flamengo, deixando o ambiente no Pacaembu ainda mais tenso. Com o empate, o Alvinegro do Parque São Jorge ainda se consagrava pentacampeão brasileiro, mas não podia bobear em campo.

O Timão conseguiu equilibrar a partida nos minutos finais da primeira etapa. Porém, ainda errava muitos passes e não conseguia chegar ao ataque com chances boas. Só no último minuto do primeiro tempo, o bando de loucos chegou perto de comemorar o gol do Corinthians. Após excelente troca de passes, Alessandro fez tabela com Willian dentro da área, que, na hora do chute, foi calçado por trás, mas o árbitro não marcou nada. Na sobra, Jorge Henrique bateu de primeira, mas a bola desviou no zagueiro e não entrou por muito pouco. Dessa forma emocionante, a primeira etapa foi encerrada com o empate sem gols.

Etapa final

O segundo tempo começou quente. Aos 02min, Valdivia deu uma entrada criminosa em Jorge Henrique e foi expulso no Pacaembu, deixando o Timão com um a mais. Pouco depois, aos 09min, foi o atacante corinthiano levou cartão amarelo após falta dura no meio de campo. Nesse momento, uma notícia deixou a Fiel eufórica: no Rio de Janeiro, o Flamengo empatou a partida. Loucura no Pacaembu!

O Alvinegro era melhor na etapa final. Aos 19min, Liédson fez uma jogada espetacular. Pela direita, o camisa 9 executou um drible desconcertante no marcador e cruzou para a área. Deola chegou antes e afastou o perigo. Logo depois, o atacante quase abriu o marcador. Fábio Santos partiu em velocidade para o ataque e cruzou na área. Liédson não chegou por muito pouco na bola, que passou raspando na cabeça do jogador.

Aos 25min, Alessandro recebeu cartão amarelo após falta em Luan. Na cobrança, Marcos Assunção colocou na cabeça de Fernandão, que fez a bola explodir na trave. Na sobra, Luan chutou de primeira e tirou tinta do travessão. Três minutos depois, Wallace foi expulso por causa de uma entrada violenta no adversário. Liédson também foi punido após falta dura, mas apenas com o cartão amarelo.

A partida chegou aos 30min com a tensão aumentando. O técnico Tite fez então sua primeira mudança, colocando Chicão no lugar de Willian. O camisa 3 teve uma boa oportunidade aos 34min, cobrando falta, mas bateu com muita força e mandou por cima do gol. No lance seguinte, acabou punido com cartão amarelo após falta na defesa.

Apesar de ter o controle do jogo, o Corinthians estava muito ansioso e errava passes fáceis. Mas havia vontade de sobra para os jogadores alvinegros, que chegavam em todas as bolas com muita raça. Tite fez a segunda alteração aos 40min, colocando Edenílson entrou no lugar de Liédson.

Aos 43min, Jorge Henrique segurou a bola no ataque e, após driblar o marcador, recebeu uma entrada dura. Os jogadores palmeirenses não gostaram da demonstração de habilidade do corinthiano e partiram para cima do atacante. Os atletas do Timão foram apartar a briga, mas os adversários queriam confusão e não deixaram o jogo recomeçar. No final das contas, João Vitor e Leandro Castán foram expulsos.

Quando a partida voltou, Jorge Henrique saiu para a entrada de Moradei, mas não sem antes ser covardemente agredido com um chute pelas costas por Luan. Mostrando maturidade e esperteza, o corinthiano não revidou , o que deixou o palmeirense ainda mais revoltado.

A partir daí, o Corinthians só segurou o resultado e mesmo antes do apito final do árbitro a Fiel já começou a comemorar, pois ficou sabendo do resultado final no Engenhão: Vasco 1 x 1 Flamengo. Depois de um confronto extremamente tenso, os 30 milhões de loucos ao redor de todo o mundo puderam finalmente soltar o grito de campeão! Pentacampeão!

O Alvinegro encerrou o Campeonato Brasileiro com 71 pontos. Foram 21 vitórias, oito empates e nove derrotas. O Timão marcou 53 gols e sofreu 36. O aproveitamento do Corinthians foi de 62,3%.

Cartões Amarelos

Alessandro, Chicão, Jorge Henrique, Liédson e Alex

Cartões Vermelhos

Wallace e Leandro Castán

Substituições

Chicão (Willian), Edenílson (Liédson) e Moradei (Jorge Henrique)

Jorge Henrique e Paulo André falam sobre as dificuldades superadas

No meio da festa pela conquista do Campeonato Brasileiro 2011, o atacante Jorge Henrique mostrou a sua felicidade com o título e falou sobre as dificuldades que teve no ano. “Este título veio para coroar este trabalho. Nesse ano eu tive muitas contusões, alguns problemas, mas agora eu dedico esse título a minha família.”, declarou Jorge.

Outro atleta que também falou sobre as dificuldades que superou foi o zagueiro Paulo André. “Eu estou com um problema muscular, fiquei de fora de quase todos os treinamentos dessa semana. Mas eu não podia ficar fora desse jogo. Ser campeão pelo Corinthians não tem preço. E eu ainda quero ser muitas vezes campeão aqui”, finalizou o camisa 13.

Alex e Adriano falam da emoção de conquistar um título pelo Timão

Depois do empate no Pacaembu, que deu o título brasileiro ao Corinthians, o meia Alex falou sobre os aspectos que fizeram o Timão levantar o caneco. “A gente deve esse título a união do grupo. É um grupo muito bom, que sempre lutou muito e se entregou nas partidas. Temos que parabenizar também a diretoria, que acreditou no nosso trabalho. E também agradecer a torcida, que sempre apoiou a gente”, disse o camisa 12.

Adriano também mostrou a sua emoção por ganhar o seu primeiro título com a camisa alvinegra. “Eu sou pé quente! Não joguei muito, mas sei que tive a minha contribuição nesta conquista. É uma emoção muito grande jogar no Corinthians, espero que no ano que vem eu possa dar mais a esse time”, falou o Imperador.

Tite: "A campanha do Corinthians foi inquestionável"

Com um largo sorriso estampado no rosto (como não poderia ser diferente), o técnico Tite concedeu entrevista coletiva no Pacaembu após a conquista do Pentacampeonato Brasileiro. O treinador alvinegro apontou a estrutura do Timão como fator determinante para o título. “O Corinthians possui uma base muito boa. Tem um grupo de dirigentes muito especiais, que blindam o técnico e o elenco quando precisam. Todo o grupo de trabalho é especial, desde o massagista, o segurança até os atletas”, declarou comandante do Timão.

Tite também falou sobre os momentos de pressão que teve neste ano. “Eu não posso ficar ligando para críticas, tenho que sempre estar focado no trabalho. É normal que reclamações aconteçam, mas eu não vou ficar retrucando” disse o técnico.

É claro que a alegria de ganhar um título não ficou de fora das palavras de Tite durante a entrevista. “Eu passei perto muitas vezes. Sempre ficava em quinto, passava perto, mas não chegava. Dessa vez cheguei, alcancei o título. E o que me deixa mais feliz é a forma como ele foi conquistado. Não precisei expor jogadores, não tive que externar problemas. A campanha do Corinthians foi inquestionável”, finalizou o treinador.

Tite chegou ao Corinthians nas rodadas finais do Brasileirão do ano passado, substituindo Adílson Batista. Este é o primeiro título de Campeonato Brasileiro conquistado pelo técnico.

Júlio César: "Eu sempre sonhei em ser campeão pelo Corinthians"

m dos grandes nomes do Timão nesta conquista, o goleiro Júlio César falou da sensação de ser campeão brasileiro pelo Corinthians. “Eu sempre sonhei em ser campeão pelo Corinthians e hoje eu estou realizando esse sonho. Toda a paixão e o amor que tenho pelo Timão foram coroados hoje por este título”, afirmou o camisa 1.

Outro jogador bastante entusiasmado com a conquista, o zagueiro Leandro Castán aproveitou para cutucar o rival em suas declarações: “Parabéns ao Palmeiras. Eles quiseram estragar a nossa festa, mas não conseguiram”, alfinetou o zagueiro.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Vibra, Fiel! Aqui é Corinthians!!! Pentacampeão brasileiro!!!!!

Corinthians empata com Palmeiras no Pacaembu e é pentacampeão brasileiro

É PENTA! 1990, 1998, 1999, 2005 e 2011. O dia 04 de dezembro de 2011 ficará para sempre marcado na memória dos 30 milhões de bando de loucos espalhados pelo mundo. O Corinthians empatou em 0 a 0 com seu maior rival na tarde deste domingo em pleno Pacaembu e se sagrou pentacampeão brasileiro. Em um jogo tenso e com quatro expulsões, os guerreiros do Parque São Jorge jogaram com muita raça e vontade, virtudes marcantes do elenco alvinegro durante todas as partidas do campeonato. Confira agora todos os detalhes do jogo emocionante que deu ao Corinthians o título de melhor time do Brasil.

Antes do início da partida, os jogadores do Timão e a torcida presente no Pacaembu fizeram uma bela homenagem ao ídolo Doutor Sócrates, que faleu na manhã deste domingo. Os corinthianos - atletas e torcedores - respeitaram o minuto de silêncio com o braço estendido para o alto, em referência ao gesto do Doutor, que virou sua marca registrada nas comemorações de gols.

Quando a bola rolou, o jogo começou bastante tenso. As equipes cometiam muitas faltas e, durante os minutos iniciais, não houve chances gol para nenhum lado.

Um pouco melhor em campo, o Palmeiras deu os dois primeiros arremates do clássico, com Patrik, mas não levaram perigo para Júlio César. O Corinthians cometia muitos erros de passe e não conseguia manter a posse de bola. Alex recebeu cartão amarelo aos 26min após falta no campo de defesa. Quatro minutos depois, o Vasco abriu o placar no Rio de Janeiro contra o Flamengo, deixando o ambiente no Pacaembu ainda mais tenso. Com o empate, o Alvinegro do Parque São Jorge ainda se consagrava pentacampeão brasileiro, mas não podia bobear em campo.

O Timão conseguiu equilibrar a partida nos minutos finais da primeira etapa. Porém, ainda errava muitos passes e não conseguia chegar ao ataque com chances boas. Só no último minuto do primeiro tempo, o bando de loucos chegou perto de comemorar o gol do Corinthians. Após excelente troca de passes, Alessandro fez tabela com Willian dentro da área, que, na hora do chute, foi calçado por trás, mas o árbitro não marcou nada. Na sobra, Jorge Henrique bateu de primeira, mas a bola desviou no zagueiro e não entrou por muito pouco. Dessa forma emocionante, a primeira etapa foi encerrada com o empate sem gols.

Etapa final

O segundo tempo começou quente. Aos 02min, Valdivia deu uma entrada criminosa em Jorge Henrique e foi expulso no Pacaembu, deixando o Timão com um a mais. Pouco depois, aos 09min, foi o atacante corinthiano levou cartão amarelo após falta dura no meio de campo. Nesse momento, uma notícia deixou a Fiel eufórica: no Rio de Janeiro, o Flamengo empatou a partida. Loucura no Pacaembu!

O Alvinegro era melhor na etapa final. Aos 19min, Liédson fez uma jogada espetacular. Pela direita, o camisa 9 executou um drible desconcertante no marcador e cruzou para a área. Deola chegou antes e afastou o perigo. Logo depois, o atacante quase abriu o marcador. Fábio Santos partiu em velocidade para o ataque e cruzou na área. Liédson não chegou por muito pouco na bola, que passou raspando na cabeça do jogador.

Aos 25min, Alessandro recebeu cartão amarelo após falta em Luan. Na cobrança, Marcos Assunção colocou na cabeça de Fernandão, que fez a bola explodir na trave. Na sobra, Luan chutou de primeira e tirou tinta do travessão. Três minutos depois, Wallace foi expulso por causa de uma entrada violenta no adversário. Liédson também foi punido após falta dura, mas apenas com o cartão amarelo.

A partida chegou aos 30min com a tensão aumentando. O técnico Tite fez então sua primeira mudança, colocando Chicão no lugar de Willian. O camisa 3 teve uma boa oportunidade aos 34min, cobrando falta, mas bateu com muita força e mandou por cima do gol. No lance seguinte, acabou punido com cartão amarelo após falta na defesa.

Apesar de ter o controle do jogo, o Corinthians estava muito ansioso e errava passes fáceis. Mas havia vontade de sobra para os jogadores alvinegros, que chegavam em todas as bolas com muita raça. Tite fez a segunda alteração aos 40min, colocando Edenílson entrou no lugar de Liédson.

Aos 43min, Jorge Henrique segurou a bola no ataque e, após driblar o marcador, recebeu uma entrada dura. Os jogadores palmeirenses não gostaram da demonstração de habilidade do corinthiano e partiram para cima do atacante. Os atletas do Timão foram apartar a briga, mas os adversários queriam confusão e não deixaram o jogo recomeçar. No final das contas, João Vitor e Leandro Castán foram expulsos.

Quando a partida voltou, Jorge Henrique saiu para a entrada de Moradei, mas não sem antes ser covardemente agredido com um chute pelas costas por Luan. Mostrando maturidade e esperteza, o corinthiano não revidou , o que deixou o palmeirense ainda mais revoltado.

A partir daí, o Corinthians só segurou o resultado e mesmo antes do apito final do árbitro a Fiel já começou a comemorar, pois ficou sabendo do resultado final no Engenhão: Vasco 1 x 1 Flamengo. Depois de um confronto extremamente tenso, os 30 milhões de loucos ao redor de todo o mundo puderam finalmente soltar o grito de campeão! Pentacampeão!

O Alvinegro encerrou o Campeonato Brasileiro com 71 pontos. Foram 21 vitórias, oito empates e nove derrotas. O Timão marcou 53 gols e sofreu 36. O aproveitamento do Corinthians foi de 62,3%.

Cartões Amarelos

Alessandro, Chicão, Jorge Henrique, Liédson e Alex

Cartões Vermelhos

Wallace e Leandro Castán

Substituições

Chicão (Willian), Edenílson (Liédson) e Moradei (Jorge Henrique)

Jorge Henrique e Paulo André falam sobre as dificuldades superadas

No meio da festa pela conquista do Campeonato Brasileiro 2011, o atacante Jorge Henrique mostrou a sua felicidade com o título e falou sobre as dificuldades que teve no ano. “Este título veio para coroar este trabalho. Nesse ano eu tive muitas contusões, alguns problemas, mas agora eu dedico esse título a minha família.”, declarou Jorge.

Outro atleta que também falou sobre as dificuldades que superou foi o zagueiro Paulo André. “Eu estou com um problema muscular, fiquei de fora de quase todos os treinamentos dessa semana. Mas eu não podia ficar fora desse jogo. Ser campeão pelo Corinthians não tem preço. E eu ainda quero ser muitas vezes campeão aqui”, finalizou o camisa 13.

Alex e Adriano falam da emoção de conquistar um título pelo Timão

Depois do empate no Pacaembu, que deu o título brasileiro ao Corinthians, o meia Alex falou sobre os aspectos que fizeram o Timão levantar o caneco. “A gente deve esse título a união do grupo. É um grupo muito bom, que sempre lutou muito e se entregou nas partidas. Temos que parabenizar também a diretoria, que acreditou no nosso trabalho. E também agradecer a torcida, que sempre apoiou a gente”, disse o camisa 12.

Adriano também mostrou a sua emoção por ganhar o seu primeiro título com a camisa alvinegra. “Eu sou pé quente! Não joguei muito, mas sei que tive a minha contribuição nesta conquista. É uma emoção muito grande jogar no Corinthians, espero que no ano que vem eu possa dar mais a esse time”, falou o Imperador.

Tite: "A campanha do Corinthians foi inquestionável"

Com um largo sorriso estampado no rosto (como não poderia ser diferente), o técnico Tite concedeu entrevista coletiva no Pacaembu após a conquista do Pentacampeonato Brasileiro. O treinador alvinegro apontou a estrutura do Timão como fator determinante para o título. “O Corinthians possui uma base muito boa. Tem um grupo de dirigentes muito especiais, que blindam o técnico e o elenco quando precisam. Todo o grupo de trabalho é especial, desde o massagista, o segurança até os atletas”, declarou comandante do Timão.

Tite também falou sobre os momentos de pressão que teve neste ano. “Eu não posso ficar ligando para críticas, tenho que sempre estar focado no trabalho. É normal que reclamações aconteçam, mas eu não vou ficar retrucando” disse o técnico.

É claro que a alegria de ganhar um título não ficou de fora das palavras de Tite durante a entrevista. “Eu passei perto muitas vezes. Sempre ficava em quinto, passava perto, mas não chegava. Dessa vez cheguei, alcancei o título. E o que me deixa mais feliz é a forma como ele foi conquistado. Não precisei expor jogadores, não tive que externar problemas. A campanha do Corinthians foi inquestionável”, finalizou o treinador.

Tite chegou ao Corinthians nas rodadas finais do Brasileirão do ano passado, substituindo Adílson Batista. Este é o primeiro título de Campeonato Brasileiro conquistado pelo técnico.

Júlio César: "Eu sempre sonhei em ser campeão pelo Corinthians"

m dos grandes nomes do Timão nesta conquista, o goleiro Júlio César falou da sensação de ser campeão brasileiro pelo Corinthians. “Eu sempre sonhei em ser campeão pelo Corinthians e hoje eu estou realizando esse sonho. Toda a paixão e o amor que tenho pelo Timão foram coroados hoje por este título”, afirmou o camisa 1.

Outro jogador bastante entusiasmado com a conquista, o zagueiro Leandro Castán aproveitou para cutucar o rival em suas declarações: “Parabéns ao Palmeiras. Eles quiseram estragar a nossa festa, mas não conseguiram”, alfinetou o zagueiro.

Eu disse que esse TITULO era noossooo POW!!

Gaviões ate a morte!!!!!!!!!!!!!!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!


Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.


Entrar Agora
Entre para seguir isso  
Seguidores 0