Ir para conteúdo
Noticias
  • Bem vindo ao Clan GSM, esperamos que tenha gostado do novo visual.

Seja bem vindo ao Clan GSM visitante

O fórum Clan GSM é o maior fórum de suporte dedicado e totalmente exclusivo para técnicos em manutenção e reparação de Celulares. Para visualizar, baixar e navegar por todo o fórum é necessário um cadastro, no qual precisa ser aprovado por nossos Moderadores, preencha sempre todos os campos solicitados com máxima atenção, só serão aceitos registros de membros que nos comprove ser realmente técnico, seja iniciante ou avançado, protegemos ao máximo nossas informações e soluções, tudo no Clan GSM é gratuito, para técnicos.

Clan SOFT - SERVIDOR DE DOWNLOADS PARA TÉCNICOS!

É técnico? Então você precisa estar atualizado com um serviço de downloads exclusivo e profissional. O Clan SOFT é essencial para técnicos que não tem tempo para ficar procurando firmwares, softwares e procedimentos pela internet, como você.

https://www.clansoft.net/

 

Entre para seguir isso  
Ghost Rider™

Dono da Claro é mais rico que Bill Gates

Posts Recomendados

UM PÉ NO BRASIL

Quais são e como estão as empresas de Slim por aqui

A América Móvil, controlada pelo bilionário mexicano Carlos Slim, possui apenas três negócios no Brasil, mas eles são bilionários. Juntas, a operadora de telefonia celular Claro, a operadora de telefonia fixa Embratel e a empresa de TV por assinatura Net (da qual Slim possui 49%) faturaram R$ 24,2 bilhões no país em 2006, segundo um levantamento da consultoria Teleco, especializada em telecomunicações. Ainda está longe do faturamento conjunto da Telmex e da América Móvil em toda a América Latina, que em 2006 foi de US$ 36,8 bilhões. Mas as empresas de Slim formam o segundo maior grupo de telecomunicações do Brasil, atrás apenas do grupo Telefónica. Os especialistas calculam que Slim já deve ter investido pelo menos US$ 10 bilhões no país. Quando começou a montar a filial de seu império por aqui, ele escolheu a telefonia celular como ponto de partida. De 2002 a 2003, investiu US$ 5 bilhões - entre aquisições de empresas, licenças e investimentos em infra-estrutura - para montar a Claro, nascida a partir da compra da BCP, empresa de telefonia que atuava em São Paulo. Em 2004, Slim comprou a Embratel. No ano seguinte, metade da Net.

Mesmo com esse poderio, a situação de Slim no Brasil não é exuberante. A Embratel oscila, há anos, entre o lucro discreto e o prejuízo ligeiro. O maior problema é a Claro. Apesar de disputar com a TIM a segunda posição entre as maiores da telefonia celular, foi a única do setor a perder dinheiro em 2006. Foi o único dos 12 negócios da América Móvil no continente que não obteve lucro. Dois fatores ajudam a explicar as dificuldades. Primeiro: ela consumiu muito dinheiro para ser erguida. Foi preciso consolidar cinco empresas regionais diferentes. Segundo: a Claro foi uma das poucas empresas em que Slim teve de construir uma marca do zero. Depois de perder para a Telefónica a disputa pela TIM, Slim está de olho na Telemig Celular, operadora de Minas Gerais que está entre as operações nacionais mais saudáveis e estratégicas.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora
Entre para seguir isso  

×