SERVIDOR DE DOWNLOADS PARA TÉCNICOS!

É técnico? Então você precisa estar atualizado com um serviço de downloads exclusivo e profissional. O Clan SOFT é essencial para técnicos que não tem tempo para ficar procurando firmwares, softwares e procedimentos pela internet, como você.

www.clansoft.net/dl/

Entre para seguir isso  
Seguidores 0
Reginaldo SanTana™

Contratar no Brasil é difícil, diz Facebook

1 post neste tópico

O principal executivo do Facebook no Brasil, o ex-Googler Alexandre Hohagen, afirmou ontem, durante evento sobre recursos humanos, que encontrar bons profissionais no Brasil não é uma tarefa fácil. Segundo Hohagen, que lidera a incipiente operação brasileira da maior rede social do mundo, o principal obstáculo às contratações é achar pessoas com espírito empreendedor, que saibam trabalhar dentro da cultura de uma startup. “Às vezes, não adianta trazer alguém com muito conhecimento, pois as características necessárias em profissionais para uma startup são um pouco diferentes”, disse Hohagen. O vice-presidente do Facebook no Brasil disse que o escritório da rede na capital paulista ainda não tem grande estrutura. “Não temos nem secretária. Eu mesmo saio para comprar cartuchos de impressora, vou ao mercado comprar água e fui eu mesmo que comprei e trouxe uma geladeira para o escritório”. O profissional faz parte da equipe do Facebook há cerca de seis meses e participou, ontem, do 37º Congresso Nacional sobre Gestão de Pessoas, promovido pela Associação Brasileira de Recursos Humanos, em São Paulo. Segundo relatório do site Social Bakers, o Brasil foi o país com maior crescimento, em número de usuários únicos, no Facebook em todo o mundo. A quantidade de brasileiros ultrapassa a marca de 19 milhões de usuários e aumentou 11% em relação a abril deste ano. Apesar do crescimento do Facebook, uma pesquisa divulgada nesta terça-feira pela CNT/Sensus mostra que o Orkut ainda é a rede mais popular no país. O Orkut é acessado por 27,8% da população nacional. O Facebook aparece na segunda posição, com 15,8% de adesão, e o Twitter na terceira, com 8,8%.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!


Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.


Entrar Agora
Entre para seguir isso  
Seguidores 0